Medicina Dentária

Etharums ser quidem rerum facilis dolores nemis omnis fugats vitaes nemo minima rerums unsers sadips amets.

TRATAMENTOS DENTÁRIOS

TRATAMENTOS DE BRANQUEAMENTO

Existem dois tipos de dentes, vitais e não vitais. Em relação ao tratamento de dentes não vitais temos como exemplo, um dente que foi submetido a um tratamento endodôntico por ter sofrido um traumatismo ou por cárie, geralmente escurece.

sorria mais

 

 

TRATAMENTO ENDODÔNTICO

Conhecido por “desvitalização”, consiste na remoção da polpa dentária dando seguimento ao alargamento dos canais com o seu devido selamento final.

A Endodontia, tal como o seu nome diz, é a especialidade da Medicina Dentária que se ocupa da “parte de dentro” do dente. Quer na coroa, quer na sua raiz, o dente possui um tecido conjuntivo chamado polpa.

Essa polpa possui vasos sanguineos, tecido nervoso e encarrega-se de nutrir e proteger o dente da entrada de bactérias.

Quando este tecido é afectado perde-se essa linha de defesa e havendo proliferação bacteriana o canal do dente é conquistado por bactérias oriundas do meio oral. Ora a Endodontia é a área da Medicina Dentária responsável pela manutenção da saúde desse tecido e pelo tratamento dos canais quando a polpa se torna irreversivelmente afectada.

 

 

TRATAMENTO DE CÁRIES

Este consiste na remoção da cárie provocada por bactérias. São utilizados materias para obturação por exemplo, os compósitos “massa branca” dando-lhes anatomia,função e estética.